Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Visto de Macau

Linhas em jeito de diário. Inspiração. Homenagem a espíritos livres. Lugar de evocação. Registo do quotidiano, espaço de encontros. Refúgio de olhares. Espécie de tributo à escrita límpida, serena e franca de Marcello Duarte Mathias.



Terça-feira, 29.09.15

turismo

20150929_141301.jpg

No final de um festival internacional de fogo-de-artifício e do festival do "Chong Chau", em plena semana dourada, com a cidade prestes a celebrar o Dia Nacional da China, às portas de mais uma edição do Festival Internacional de Música, que vai trazer o Fausto de Gounot, Mahler, Gideon Kremer, a Kremerata Baltica, Mozart e Salieri, I Profeti della Quinta, Patti Austin e Janis Siegel, a Orquestra Filarmónica da BBC, o Canto Siciliano, e sei lá que mais, a atenção que é dada à cidade continua a ser a mesma de sempre. A mesma não, muito pior. Porque agora o lixo já nem é varrido para debaixo do tapete e o cheiro é impossível de disfarçar. Às 14 horas, de hoje, em plena zona do NAPE, às portas do Ministério Público da RAEM e do luxo do Wynn, do L'Arc e do Star World, paredes-meias com a Direcção dos Serviços de Turismo, é este o espectáculo. Aterrador, por sinal, para uma cidade que se quer do turismo, cosmopolita e moderna. Cheiro nauseabundo, caixotes de lixo todos abertos e a precisarem de limpeza, ruas imundas, contentores virados. Nunca a cidade esteve tão porca, nunca a cidade foi tão maltratada, o que também explica o nível dos turistas que tem recebido. 

20150929_141314.jpg

20150929_141333.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Sérgio de Almeida Correia




1 comentário

De Pedro Coimbra a 30.09.2015 às 08:04

Mete nojo, tão simples como isso

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Setembro 2015

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930



Posts mais comentados