Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Visto de Macau

Linhas em jeito de diário. Inspiração. Homenagem a espíritos livres. Lugar de evocação. Registo do quotidiano, espaço de encontros. Refúgio de olhares. Espécie de tributo à escrita límpida, serena e franca de Marcello Duarte Mathias.



Terça-feira, 05.05.15

sebastianismo

Havia quem sonhasse com o Quinto Império, com um homem das Arábias, com tipos saídos das mil e uma noites. Vêm sempre para nos resgatar de alguém ou de alguma coisa. Há séculos que é assim.

O drama de Portugal é o drama dos mitos. Como nunca são suficientes, os portugueses agarram-se ao primeiro que lhes sai na rifa. Quando mais precisamos de ajuda correm a entronizar um parlapatão. Quando nos livramos deste sai-nos um biltre. Não há santos que nos valham. E os que nos podiam valer já estão fartos da nossa estupidez. Perderam a paciência. Agora só se preocupam com quem merece. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Sérgio de Almeida Correia





Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Maio 2015

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31



Posts mais comentados